gargalhando na segunda

Tamie: ontem eu vi no instagram uma rabanada banhada em laranja + mel
PIREI pra fazer aquilo. tu falou das laranjas e lembrei

Allana: rapz
hehehe tenho meus preconceitos
mas provo de buenas

Tamie: oxe tá linda na foto
até tirei print no celular
hehehehe

Allana: é que pão ovo leite laranja
deve ser uma bomba doce

Tamie: pelo que entendi, é no lugar do leite, o suco

Allana: e a textura?
deve ficar esponjosa não?

Tamie: BITCH DON’T KILL MY VIBE
AHUAHUAHUEUHAHUHAUHEHUAUHHAHUHAHUHAH
eu vou testar e te falo

Allana:

HAUHUHUAHUAHUHUAHUAHUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHA
UHAUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHAU
HAUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHAUH
AUHAUHAUHAUAHHUAHUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHAUAH
ai deus

bom dia, dois mil e catorze.

Dois anos de hiatus. Não dá nem pra chamar assim.

Dois anos bem corridos. Interessantes, também. Muitas viagens a Recife (com o foursquare amor me indicando ótimos lugares), baladinhas felizes com Allana no Recife Antigo, saídas com Keith e pernoites em Ana. Muitos livros novos e filmes do Myazaki, experiências na cozinha, macarons fail (com nova tentativa em breve), muitas tortas de maçã e até blooming onions. Tardes no Fotolab com as melhores companhias que a universidade pode me dar. Uma monografia concluída com a nota máxima. Felicidade de finalmente contar com o apoio da professora mais querida como orientadora.

Viajei um pouquinho: Natal, RN em 2012. Fernando de Noronha, PE, em 2013.
Dois lugares incríveis, inesquecíveis. Fernando de Noronha vira sua cabeça de um jeito que você começa a traçar planos para morar naquele paraíso pelo resto da vida. Mas a rotina do nativo é bem mais dura que a do turista. E voltar com olhos sempre deslumbrados é um plano ainda melhor.

Ao mesmo tempo que concluía o bacharelado em Design durante 2013, me descobria numa carreira nova. Fotografar casamentos começou por brincadeira na festa de uma amiga (abr/2012), e no final do mesmo ano virou profissão; com orçamentos, contratos e estudos. Estou investindo tempo, dinheiro e fé. E me divertindo ─ apesar de algumas crises ansiosas, caindo na armadilha de me comparar a fotógrafos experientes e consolidados. Mas no fim, é algo bom se você consegue sair do estado de choque, e tenta crescer, aprender… Evoluir. Essa é a minha maior resolução para este ano, aprender tudo o que eu puder, o tempo todo. E não falo só de técnica ;)

++ Resoluções:
Fotografar em filme + upgrade no equipamento
Novos workshops na área
Fazer macarons
Conhecer três lugares novos
Ler 30 livros
Aprender a dirigir
Tirar passaporte
Tattoo
Tight Lacing
Fazer aula de Pilates o ano todo

É difícil não abraçar o mundo com listas (como costumo fazer). A ideia foi manter esta aqui bem sóbria e focada no que posso fazer para melhorar meus dias e a minha vida. Um pé na nuvem, o outro no chão.